Paula Fernandes rebate protestos de Testemunhas de Jeová

Cantora afirmou ser espírita e que acredita em reencarnação durante um bate-papo com João Dória Jr

Nos últimos dias o assunto ‘religião’ tem virado alvo da mídia local, nacional e internacional. Primeiro foi o pastor Silas Malafaia, que fez declarações polêmicas durante entrevista à jornalista Marília Gabriela. Logo depois foi a vez do Papa Bento XVI, que renúnciou o cargo de pontífice.

Já na semana passada, o centro dos noticiários foi a cantora Paula Fernandes que, durante uma entrevista no programa ‘Show Business’ com João Dória Jr, revelou ser espírita, além de acreditar em reencarnação e continuação da vida em outro plano.PaulaFernandes

Isso foi o suficiente para que grupos de outras religiões iniciassem um protesto contra a sertaneja.

Foi divulgada uma campanha no Facebook por integrantes da igreja Testemunha de Jeová para “alertar” a todos e dizer que as músicas da artista têm relação com o espiritismo e que é um médium espírita quem compõe as canções.

Com apenas cinco dias a campanha chegou a atingir a marca de 15 mil compartilhamentos. Os comentários negativos não deixaram de existir. Algumas pessoas – seguidoras da igreja Testemunha de Jeová – disseram até que se desfizeram do disco da cantora após assistir a entrevista.

Toda essa situação deixou Paula revoltada. A moça logo fez questão de rebater os comentários através de seu perfil no Twitter. “O que a bíblia prega? Respeito ou preconceito????? Viva a liberdade de expressão!”, twittou na noite da terça-feira (19). Ela ainda criou uma TAG para que seus fãs e familiares lhe ajudassem nessa situação. “#FamiliaPFContraOPreconceito”, postou.

Confira o vídeo na íntegra da entrevista de Paula Fernandes:

Correio da Bahia

Comente com Facebook