“House” termina nesta segunda (21) nos Estados Unidos com final “agridoce”

Hugh Laurie (ao centro) ladeado por o elenco de “House” (8/2/2011)

Nesta segunda-feira (21), “House” chega ao fim com a exibição nos Estados Unidos, no canal Fox, do último episódio do seriado. O encerramento vai ao ar junto com um especial com entrevistas com produtores e atores do programa.

O criador da série, David Shore, fez mistério em relação à trama do episódio final, que definiu como “agridoce”. “Nunca fazemos finais felizes, mas também tentamos não fazer simplesmente finais péssimos. Agridoce é o máximo que vocês podem esperar”, disse à Reuters. “É sobre House avaliando seu futuro. Desenvolvemos a ideia para o episódio final meses e meses atrás (…). Isso nos permitiu explorar a natureza do personagem de House, e também nos permitiu trazer de volta naturalmente outras pessoas”.

Os personagens Alison Cameron (Jennifer Morrison), Remy “Thirteen” Hadley (Olivia Wilde) e Lawrence Kutner (Kal Penn) – que morreu na quinta temporada – vão participar do epílogo, mas Shore não revelou como eles vão se inserir na trama.

O título será “Everybody Dies” (“todo mundo morre”), uma referência ao episódio de estreia, “Everybody Lies” (“todo mundo mente”) – frase sempre repetida pelo protagonista Gregory House (Hugh Laurie), mas não se sabe se algum personagem vai morrer no final da série.

Em oito temporadas no ar, o controverso médico House passou pela cadeia, por uma clínica de reabilitação, e teve um relacionamento instável com sua chefe Lisa Cuddy (Lisa Edelstein), que deixou a série no ano passado.

“House” entrou para o Guinness em 2012 como a série de TV mais popular do mundo, e foi vencedora de cinco Emmys e dois Globos de Ouro. No Brasil, a série é exibida no canal pago Universal e pela Record, e ainda não há previsão de exibição do capítulo final.

[yframe url=’http://www.youtube.com/v/8UXXt1axtHk’]

 

 

UOL

Comente com Facebook