Pery Ribeiro morre aos 74 anos

Pery Ribeiro sofreu um infarto agudo do miocárdio, enquanto se recuperava de uma edocardite

Pery Ribeiro morreu na manhã desta sexta-feira, 24, aos 74 anos, vítima de um infarto. O cantor e compositor estava internado há 15 dias no Hospital Universitário Pedro Ernesto, em Niterói, no Rio de Janeiro, para tratar de uma endocardite – infecção nas membranas das válvulas cardíacas.

Filho da cantora Dalva de Oliveira e do compositor Herivelto Martins, Pery iniciou sua carreira aos três anos de idade, quando dublou o anão Dengoso no filme Branca de Neve e Os Sete Anões, da Disney.

Aos cinco anos, Pery atuou no filme It’s All True, de Orson Welles, filmado no Brasil. Já adulto, com 22 anos, começou a trabalhar na TV Tupi como operador de câmera.

Seguindo os passos de seus pais, ele lançou seu primeiro disco em 1960. Na carreira musical, ficou conhecido por ter feito a primeira versão comercial de Garota de Ipanema, de Tom Jobim e Vinicius de Moraes. Ele lançou 12 discos em sua vida.

Na década de 1970, Pery viajou o México e os Estados Unidos trabalhando com o jazz. Ao longo de sua carreira, ele ganhou mais de 60 prêmios, incluindo o Troféu Roquette Pinto, o Chico Viola e o Troféu Imprensa.

 

EXTRA

Comente com Facebook