Morre, aos 91 anos, Carl Djerassi, um dos criadores da pílula anticoncepcional

Djerassi também criou a cortisona, outro hormônio utilizado em alguns tratamentos médicos

Morreu nesta sexta-feira (30) o químico americano Carl Djerassi, um dos criadores da pílula anticoncepcional, aos 91 anos. Ele conseguiu sintetizar, em 1951, o hormônio que regula os ciclos menstruais e a descoberta permitiu que o contraceptivo oral fosse desenvolvido, projeto que também teve a participação dos farmacêuticos americanos Gregory Pincus e John Rock.

Além disso, Djerassi criou a cortisona, outro hormônio utilizado em alguns tratamentos médicos. Tudo em laboratório. Ele, que além de químico era escritor e colecionador de arte, também era proprietário da coleção privada mais importante do mundo, do pintor alemão Paul Klee (1879-1940).

A notícia da morte de Carl Djerassi veio através do diretor do museu de Albertina, em Viena, Klaus Albrecht Schröder, neste sábado (31). O químico nasceu em 29 de outubro de 1923. Ele, que foi perseguido pelos nazistas, é filho de pai búlgaro e mãe austríaca.

IBahia

RTEmagicC_Carl.jpg

Comente com Facebook