Hospital usa copo descartável para reanimar bebê que nasceu sem sinais vitais na Bahia

Um copo descartável foi usado como máscara de oxigênio na reanimação de um bebê que tinha nascido sem sinais vitais. O caso ocorreu em um hospital municipal de Biritinga, na região Sisaleira.

Segundo o G1, a mãe da criança, Maíse Correia, de 20 anos, o fato começou porque ela não tinha dilatação suficiente para ter o bebê por parto normal, mas a bolsa teria estourado o que fez o procedimento ser adiantado.

No entanto, o bebê nasceu sem sinais vitais. A mãe disse que o copo foi usado após outras tentativas de reanimação.

Conforme a secretária de saúde do município, Lívia Santos, a unidade de saúde tinha uma máscara de oxigênio, mas o material estava sujo por ter sido usado momentos antes.

Santos disse que a equipe pegou um copo e fez um furo no recipiente.  Depois, o bebê recobrou os sinais vitais. O caso ocorreu no dia 4 de outubro.

 

Comente com Facebook