Idoso é investigado por suspeita de tomar 90 doses de vacina contra a Covid-19

Um idoso de 60 anos teria tomado 90 doses de vacina contra Covid-19 para poder vender certificados falsificados. O caso aconteceu no estado da Saxônia, no leste da Alemanha.

O homem, morador de Magdeburg, teria recebido a imunização em diferentes centros de vacinação até ser descoberto e barrado pela polícia, conforme reportagem da agência alemã DPA deste domingo (3).

Ele não foi detido, mas está sob investigação por suposta emissão não autorizada de cartões de vacinação e falsificação de documentos, disse a agência de notícias da Alemanha.

O idoso foi flagrado em um centro de vacinação em Eilenburg, na Saxônia, quando apareceu para se vacinar pelo segundo dia consecutivo.

A polícia confiscou com ele vários cartões de vacinação em branco e iniciou um processo criminal.

Até o momento da publicação desta matéria, não há informações sobre o estado de saúde do homem.

Fonte: Da Redação Namidia News com informações de g1