Pacientes reclamam de falta de atendimento no HDLEM; Hospital diz que não faltou médico

Um vídeo que circula nas redes sociais mostra pacientes reclamando de falta de atendimento no Hospital Luís Eduardo Magalhães, em Porto Seguro.

Nas imagens, pessoas encontram a recepção sem atendente, enquanto uma mulher está deitada em uma maca e outra paciente está em uma cadeira de rodas. Os homens que as acompanham encolerizam-se e exclamam queixas contra a aparente falta de recepção.

Um dos homens esbraveja e bate contra os equipamentos do hospital, quebrando uma caixa de extintores.

Em nota, o HDLEM reconheceu as imagens como sendo da unidade, mas esclareceu que trata-se da recepção interna do hospital, na pós triagem do primeiro atendimento.

De acordo com a assessoria do HDLEM, o caso aconteceu durante a tarde do último sábado (22). Conforme a nota, a paciente que estava na maca estava com escoriações leves, passou pela triagem e recebeu atendimento segundo a ordem de prioridade aos casos de urgência e emergência.

“Em momento algum faltou médico na Unidade, e somente na emergência, havia 5 médicos plantonistas. Com isso, o atendimento estava acontecendo normalmente, respeitando sempre a prioridade, como casos de urgência e emergência”, diz o texto.

Ademais, a nota do HDLEM ainda aborda a questão da forma como um dos homens agiu. “Como mostram as imagens, um dos acompanhantes estava alterado e quebrou a caixa de extintores da Unidade. Ressaltamos que repudiamos qualquer ato violento e reiteramos nosso compromisso com os usuários do Sus”.

Fonte: Da Redação Namidia News com informações de Porto Seguro Notícias