Agnelo Santos presidente do Consórcio da Policlínica Regional se reúne com vereadores de Eunápolis

Nesta terça-feira (20), Agnelo Santos, presidente do Consórcio Interfederativo de Saúde Costa do Descobrimento e prefeito de Cabrália e a coordenadora do Consórcio Lívia Oliveira, reuniu-os com vereadores do município de Eunápolis durante a manhã para tratativas na adesão ao rateio dos custos da Policlínica Regional de Saúde.

Caso a prefeita Cordélia assine a adesão, explicando que somente após assinatura da gestora, os munícipes poderão usufruir dos cerca de 2500 exames, consultas e procedimentos mensais reservados na cota de Eunápolis, que deverá arcar com aproximadamente R$ 153.000,00 (cento e cinquenta e três mil reais) mensais. 

Ao final da reunião Agnelo Santos pronunciou-se: “Foi uma reunião muito proveitosa pois os vereadores puderam ver que matematicamente não há possibilidade da Policlínica ser uma desvantagem para Eunápolis, já que um valor que o município iria arcar sozinho, por meio do consórcio será rateado 40% ao Estado e 60% aos demais municípios. Acredito que os prefeitos de Eunápolis e Porto Seguro não deixarão de aderir. Esta é uma situação onde a política deve ser deixada de lado. É uma questão de saúde pública que o povo tanto necessita.”

O secretário de Governo de Eunápolis, Osvaldo do Correio e a secretária de Saúde Anara Sartório, que deixaram a reunião antes mesmo de seu término, a secretaria reafirmou à imprensa o posicionamento da prefeita Cordélia de que a Policlínica Regional não compensa para Eunápolis. 

Redação Namidia News, com informações: Via 41, fotografias: ASCOM Câmara Municipal de Eunápolis.


Comente com Facebook