Esportes de aventura crescem no país

Rapel, arvorismo, escalada e tirolesa; os esportes de aventura registraram um aumento do 50-60% no último ano, relata Marcelo Golfeto Ramos, especialista em arvorismo e fundador da Via Brasil Aventura, empresa especializada na construção de circuitos de aventura. Recém-chegado de Recife (PE), onde foi instalar uma nova estrutura, Marcelo ressaltou que além do turismo de lazer, os esportes de aventura são muito utilizados em programas motivacionais “a superação de dificuldade de uma escalada reforça o espírito de equipe e aumenta a autoconfiança”.

No centro de Recife, Marcelo construiu um parque de aventura no Clube 17, uma academia que acrescentou os esportes de aventura aos demais aparelhos. Em Porto Seguro, no bairro Mutá, a Via Brasil Aventura construiu o percurso de arvorismo e a parede de escalada do Resort La Torre no final de 2009 e realiza, periodicamente, a manutenção da estrutura.

Para cada atividade Marcelo associa os requisitos necessários:  “Esforço físico e resistência na parede de escalada, consciência da segurança no rapel, equilíbrio no arvorismo e a adrenalina da tirolesa. Cada atividade tem um diferencial a mais no segmento de lazer para quem quer sair da selva de concreto e da rotina do escritório”.

Nos esportes de altura, a segurança vem em primeiro lugar, “altura envolve riscos é por isso que trabalhamos de acordo com as normas ABNT e NBR, seja na construção dos circuitos, seja na capacitação dos monitores que vão acompanhar os turistas nas atividades ensinando a utilizar os equipamentos de segurança tais como cadeirinha, capacete, fitas e mosquetões de amarração. Também deve verificar e preservar os equipamentos”.

Diversão e treinamento empresarial

No setor turístico, os esportes de aventura tornaram-se um diferencial, uma atividade para praticamente todas as idades, “basta a pessoa querer”, acrescentou Marcelo, “são atividades que mexem com equilíbrio, raciocínio, quebra barreiras, por isso geram muita satisfação entre os turistas”. Além de Recife e do La Torre em Porto Seguro, a Via Brasil Aventura  já instalou circuitos nos Resort  Jequitimar, em São Paulo, e  Golfe Paradise em Mogi das Cruzes, além de inúmeros hotéis-fazenda no Mato Grosso do Sul, dentre outros.

Não são somente os atletas de corridas de aventura ou os turistas a gostarem de esportes de aventura em altura como diversão; no ambiente empresarial são utilizadas para desenvolver treinamentos: “treinamentos motivacionais de empresas utilizam muito as atividades ao ar livre, o chamado Outdoor Training uma vez que vencer obstáculos faz parte, por exemplo, das metas de uma equipe de vendas”, conclui Marcelo.  www.viabrasilaventura.com.br

 Antonio Alberghini / Mídia Mutá         

Comente com Facebook