Podcast com participação de Lula é o assunto mais comentado do Brasil

Já considerada histórica a entrevista do ex-presidente Lula no Podpah na noite desta quinta-feira(2), bateu recorde de audiência do programa. Segundo a assessoria de imprensa do podcast, a entrevista registrou a maior audiência ao vivo do programa.

Lula deu sua entrevista no horário da tradicional live de Bolsonaro, este que teve pico em 10 mil espectadores, enquanto o ex-presidente ultrapassou 300 mil, gerando muitos memes do ocorrido.

Durante a entrevista Lula falou de futebol, trabalhadores, fome no Brasil, política e outros assuntos.

A “polêmica” recentemente criada por bolsonaristas diante do fato que serviram camarão em um acampamento do Movimento dos Trabalhadores Sem Teto (MTST) durante a exibição do filme “Marighella”, dirigido por Wagner Moura. Seria “incompatível” para os apoiadores do Bolsonaro que pessoas pobres comessem camarão.

Sobre isso, um dos apresentadores perguntou: “E pobre, pode comer camarão?”

Lula sem hesitar respondeu: “Pode e deve. Até porque é ele quem pega. Pega camarão, produz carro. O pobre tem direito àquilo que produz”. E em seguida disse que o “pobre” não é o problema do país, e sim a “solução”.

Ainda no tema, ele disse: “Não é que falta comida, falta dinheiro para as pessoas comprarem. Se você der um pouquinho de dinheiro, as pessoas vão comprar.  É a falta de crença no povo pobre, é a falta de respeito ao povo pobre. Acham que as pessoas são pobres porque querem. O ser humano quer ascender na vida social, quer evoluir. Ninguém quer comprar carro velho, quer comprar carro novo.”

“Uma pessoa na periferia, quando recebe 50 reais, quando recebe 10 reais, 100 reais, ela não vai depositar no banco para fazer investimento, ela vai comprar comida. Vai comprar uma blusinha para filha, um chinelo, vai fazer uma dentadura nova.” Afirmou também que uma das “missões” que o mantém vivo, é lutar muito forte contra a desigualdade.

Veja abaixo para conferir a entrevista na íntegra.

Fonte: Da Redação Namidia News 

Comente com Facebook