Nota de 200 reais será lançada na próxima quarta-feira, diz BC

Prédio do Banco Central em Brasília
Prédio do Banco Central em Brasília (Foto: FOTO: RAPHAEL RIBEIRO/BCB)

Conforme parecer enviado à ministra Cármen Lucia, do STF (Supremo Tribunal Federal), o Banco Central informou que a nova cédula de R$ 200 será apresentada no próximo dia 2 de setembro.

No dia 29 de julho, sem dar mais detalhes o BC fez uma coletiva a fim de anunciar que colocaria a nova moeda em circulação. Além disso, foi anunciado que ela seria estampada por um Lobo-Guará.

O documento em que consta a data oficial do anúncio é assinado pelo presidente do BC, Roberto Campos Netto. Ele enviou o parecer ao STF por conta de uma ação proposta por alguns partidos de oposição. Eles questionavam as razões de o BC criar uma nova nota.

No último dia 25, Cármen Lúcia deu o prazo de 48 horas para o BC enviar seus argumentos.

Coronavírus e o entesouramento

Nos documentos, o BC também enviou um parecer jurídico alegando que por conta do cenário da pandemia do coronavírus houve um aumento de dinheiro retirado de circulação, o chamado entesouramento. Além disso, a criação do auxílio emergencial, que pagará cinco parcelas de R$ 600 também exigiu mais moeda.

O BC diz que chegou a pensar na possibilidade de emitir mais notas com os valores já existentes “junto a fornecedores internacionais, tendo em vista que a capacidade de produção da CMB se encontrava no limite de suas possibilidades operacionais, como também noticiado”, afirma.

“Entretanto, em consulta preliminar de mercado, constatou-se que as casas impressoras de porte internacional, que não chegam a duas dezenas, estão de forma geral com sua capacidade de produção comprometida com o atendimento a seus contratantes usuais, outros países que também observaram forte entesouramento em razão da emergência relacionada ao coronavírus”, completa.

Fonte: Da Redação Namidia News com informações de UOL

Comente com Facebook