Bradesco lucra R$ 11,03 bilhões

Resultado em 2011 teve crescimento de 10%. Site fica fora do ar

O Bradesco encerrou o quarto trimestre com lucro líquido de R$ 2,726 bilhões, uma queda de 8,7% em relação ao mesmo período de 2010. No ano, o lucro líquido somou R$ 11,028 bilhões, um aumento de 10% em relação a 2010. Segundo a consultoria Economatica, trata-se do terceiro maior resultado já registrado por bancos brasileiros de capital aberto. A cifra só fica atrás do lucro do Itaú Unibanco – R$ 11,7 bilhões – e do Banco do Brasil – R$ 11,3 bilhões –, ambos para 2010 (as instituições ainda vão divulgar os seus números de 2011).

O retorno anualizado sobre o patrimônio líquido médio ficou em 21,3%. A carteira de crédito expandida, que inclui avais e fianças, fechou dezembro em R$ 345,7 bilhões, com evolução de 17,1% em relação ao mesmo período de 2010. O destaque foi o crescimento das operações de pessoas jurídicas, que atingiram R$ 237 bilhões e tiveram crescimento de 20,4%. Na pessoa física, a expansão foi menor, de 10,6%, para R$ 108,7 bilhões. Os ativos totais do banco fecharam 2011 em R$ 761,5 bilhões, crescimento de 19,5% em um ano. O patrimônio líquido, em dezembro de 2011, somou R$ 55,6 bilhões, 15,7% superior ao mesmo mês de 2010.

O banco, segundo maior privado do Brasil, também informou lucro ajustado de R$ 2,771 bilhões no quarto trimestre, alta de 3,2% na comparação com o mesmo período do ano passado. A diferença em relação ao ganho contábil se deve a efeitos extraordinários, como provisão para causas cíveis, efeitos fiscais e alienação parcial de investimentos em empresas (como Ibi Promotora, CPM Braxis e Fidelity). No ano, o lucro ajustado foi de R$ 11,198 bilhões.

O grupo Bradesco de Seguros e Previdência obteve lucro líquido de R$ 860 milhões no quarto trimestre do ano passado, cifra 10,2% superior à registrada no terceiro trimestre. O resultado de 2011 foi de R$ 3,2 bilhões. O valor representa alta de 10,2% perante o ano imediatamente anterior. Os prêmios emitidos totalizaram R$ 11,1 bilhões de outubro a dezembro do ano passado, elevação de 23% ante o terceiro trimestre, impulsionado pelo Bradesco Vida e Previdência, que foi beneficiado pela maior concentração de contribuições no período. A receita de planos de previdência e VGBL (Vida Gerador de Benefício Livre) foi de R$ 5,9 bilhões no quarto trimestre, aumento de 28,3% ante o mesmo intervalo do ano passado.

Problemas na Internet

No mesmo dia em que divulgou lucro recorde, o Bradesco foi alvo dos ataques dos hackers brasileiros do grupo Anonymous. A pagina do banco na internet ficou fora do ar por cerca de duas horas nessa terça-feira, entre as 10h e as 12h. “Alvo atingido! O site do Bradesco está à deriva! BradescOff”, comemoraram os hackers no Twitter. Por volta do meio-dia, o portal já havia sido restabelecido. O banco considerou atípica a quantidade de acessos, que chegou a dobrar no período, mas negou ter sido alvo de um ataque. “O site não chegou a ficar fora do ar, mas teve lentidão em alguns momentos por causa do grande volume de acesso. Isso acaba atrapalhando nossos clientes”, disse o diretor vice-presidente do Bradesco, Aurélio Conrado Boni, em teleconferência com a imprensa. Hoje, os hackers prometem atacar a página do Banco do Brasil na rede de computadores.

Comente com Facebook