Três mulheres sobrevivem a tentativas de feminicídio no oeste da Bahia

São três casos completamente isolados que aconteceram na mesma cidade, em Luís Eduardo Magalhães.

O primeiro caso aconteceu na parte da tarde no Jardim dos Ipês no sábado(22). Neste, a vítima foi agredida e esfaqueada pelo próprio marido, mas foi socorrida a tempo. Não há detalhes sobre seu estado de saúde até o momento.

Graças aos vizinhos que denunciaram após ouvir os gritos, a Guarda Municipal chegou ao local e prendeu o marido em flagrante.

Ao anoitecer do mesmo dia, ocorreu a segunda situação. Tudo aconteceu no bairro Jardim Vereda Tropical. A vítima foi espancada e teve o nariz quebrado pelo companheiro. Após gritar por ajuda, os vizinhos conseguiram socorrê-la a tempo, pois o companheiro também tentou esfaqueá-la.

O agressor fugiu para casa da irmã da vítima, ameaçou a cunhada para escondê-lo. A polícia conseguiu prendê-lo e também foi encaminhado para delegacia.

Por fim, o terceiro caso, foi uma jovem de 18 anos que teve múltiplas fraturas no corpo após cair do segundo andar de um prédio. Esse caso antecedeu os outros, ocorrendo dia 18 de janeiro.

O estado de saúde da jovem é considerado grave e deve passar por cirurgia. Ela está internada no Hospital do Oeste, que fica em Barreiras e está precisando de doação de sangue para cirurgia.

Segundo o advogado do investigado, ele nega que tenha tido qualquer tipo de agressão física e que apesar de terem discutido, não entendeu o motivo da jovem pular do prédio.

Fonte: Da Redação Namidia News com informações de g1