Rui Costa defende ‘passaporte da vacina’ em locais públicos na Bahia

Nesta segunda-feira (13), o governador da Bahia, Rui Costa (PT), afirmou que o estado exigirá o passaporte da vacina em locais públicos, mas não deu detalhes de como será implementado.

Segundo o governador, a medida ainda não foi adotada, porque menores de 40 anos não receberam a segunda dose da vacina contra Covid-19 no estado.

“Nós vamos exigir o chamado passaporte da vacina para acesso a locais públicos. Esta medida não foi tomada ainda porque quem tem menos de 40 anos ainda não tomou a segunda dose. Queremos acelerar a vacinação para que as flexibilizações sejam feitas, mas com o devido cuidado”, escreveu Rui na rede social.

Na manhã de hoje (14), Rui voltou a defender o passaporte de vacina.

“Sobre o “passaporte da vacina”, o que nós queremos é dar segurança às pessoas. O direito individual de se vacinar ou não todo mundo tem, mas todos nós também temos o direito coletivo de não sermos contaminados. Então, em ambientes públicos, prevalece o direito coletivo”, escreveu em sua rede social.

Por Redação Namidia News

Comente com Facebook