Polícia prende acusado de matar pediatra no oeste da Bahia

Na tarde desta segunda-feira (27), a Polícia Civil prendeu, um homem acusado de matar o médico pediatra Júlio César de Queiroz Teixeira, de 44 anos, na última quinta-feira (23), no município de Barra, no oeste da Bahia.
 
A prisão foi efetuada por policiais da Delegacia Territorial (DT) de Barra, com apoio de equipes da 14ª Coordenadoria Regional de Polícia do Interior (Coorpin/Irecê) e da Coordenação de Apoio Técnico à Investigação (CATI/Depin).

A identidade do homem não foi revelada, mas segundo a polícia, ele foi localizado em uma residência, em Barra, onde foram apreendidas a motocicleta e o capacete usados no dia do crime. Ainda segundo a polícia, ele está sendo ouvido na delegacia da cidade, enquanto diligências continuam sendo realizadas na região em busca do segundo envolvido no crime.

Júlio César de Queiroz Teixeira, de 44 anos, trabalhava em uma clínica particular da cidade de Barra. Ele atendia uma criança em seu consultório, ao lado da esposa que é enfermeira, quando um homem invadiu o local e atirou várias vezes contra o médico. Em seguida, o criminoso fugiu do local em uma moto.

Uma das linhas de investigação da polícia era se o assassinato do pediatra estaria relacionado com uma denúncia de abuso contra menores, feita em 2016. Na época, o médico alertou para uma família de um dos pacientes que ele atendeu no município de Buritirama, no Oeste, que a criança poderia estar sendo vítima de abuso sexual. Ele foi ameaçado, mas não registrou queixa. O fato foi relatado por um familiar do médico para a polícia e está sendo investigado.

Comente com Facebook