Neila Fabíola Santos Cardoso faz história na PRF da Bahia

Nesta quinta-feira (6), foi realizada uma cerimônia marcada por forte emoção e grande simbolismo. Assim, podemos definir a solenidade de conclusão do curso Estágio de Motociclista Militar e Batedor, ocorrido no pátio de formaturas do 6º Batalhão de Polícia do Exército, em Salvador (BA).

E não foi diferente para a concludente PRF Neila Fabíola Santos Cardoso, única representante feminina no curso e a primeira mulher da Polícia Rodoviária Federal na Bahia a formar-se motociclista e batedor no Exército. Neila também foi chefe da PRF em Eunápolis.

Emocionada, Neila contou que a paixão por veículos de duas rodas vem desde pequena. “Quando eu soube do Curso de Motociclista Batedor do Exército não pensei duas vezes e fui logo fazer a inscrição”.

Ela relatou que os desafios já começaram desde o processo seletivo. Para realizar o curso, ela teria que ser aprovada no teste de maneabilidade em uma pista com cones. “Comemorei bastante quando soube da aprovação, porque a partir dali começava a realização de um sonho em obter a qualificação de motociclista batedor ”, disse.

Também disse que o dia a dia do curso era muito exaustivo. E que o grau de dificuldade e as exigências foram aumentando. “Desde as provas teóricas, exercícios físicos e as avaliações práticas, todas as fases exigiam muita concentração e superação. Era uma batalha a ser vencida a cada dia e fui progredindo, conseguindo passar por todas as fases e seguir adiante, pois tinha um desejo muito forte de seguir até o final, além de ser uma realização pessoal e profissional”, ressaltou a policial.

Foram 8 semanas de atividades intensas que contou com instruções de técnicas de aceleração e tomada de curva, pilotagem em condições adversas, educação física militar, mecânica, primeiros socorros, armamento, tiro embarcado, manobras evasivas e técnicas de escolta, entre outras.

Neila também ressaltou o desejo que outras turmas de mulheres possam surgir.

E finalizou: “Sigo acelerando, pronta para o próximo desafio”.

A PRF é reconhecida pela eficiência no seu trabalho de escoltas.

Fonte: PRF Bahia

Comente com Facebook