Live do pré-candidato Chico Cancela sofre ataque

Na noite da última quarta-feira (19), em uma live do pré-candidato Chico Cancela destinada a discussão participativa do programa de governo, realizada através da plataforma Google Meet, foi invadida por hackers. Os invasores compartilharam imagens de ódio, fizeram ameaças e reproduziram áudios com gritos e xingamentos.

Em decorrência a insegurança virtual, a coordenação da pré-candidatura socialista decidiu cancelar a última roda de diálogo virtual de formulação do Plano de Governo Democrático e Popular.

Para Chico Cancela, as invasões dos hackers revelam a crise da democracia brasileira. “O ódio tem se transformado no instrumento do confronto com as diferenças. Isso é inadmissível. Tentam nos calar com ameaças e agressões. Não vão conseguir. Seguiremos na luta, defendendo a democracia contra a violência e extremismo dos fascistas”.

O pré-candidato à Prefeitura de Porto Seguro ainda informou que o PSOL estuda agora uma plataforma virtual mais segura para continuar o diálogo com a população na consolidação do conjunto de propostas que será apresentado nas eleições deste ano.

Invasões em outras lives

A invasão da live do pré-candidato Chico Cancela não é a primeira do tipo. Pré candidatos de vários partidos em cidades como Rio de Janeiro, São Paulo, Palmas e Porto Alegre sofreram ataques virtuais em suas lives nas mais diversas plataformas de reuniões, como Zoom, Meet e Jitsi.

Live do pré candidato a Prefeito da cidade de Palmas-TO invadida e com a reprodução de imagens de pornografia.

Acredita-se que estes ataques parecem fazer parte de uma ação organizada dos grupos políticos de extrema direita e até mesmo ao grupo hacker Anonymous, que está associado a máscara utilizada para fazer referência ao soldado inglês Guy Fawker, popularizado no Brasil pelo filme “V de Vingança”

Gabinete de ódio

O pré-candidato do PSOL a prefeitura de Porto Seguro Chico Cancela, ressalta a existência de uma rede bolsonarista organizada na internet, que atuou fortemente nas últimas eleições disseminando fakenews e hoje atuam na disseminação do ódio, sendo inclusive alvo de investigação denominada ‘Gabinete de ódio’. tendo inclusive uma ligação direta com o Palácio do Planalto.

Print da Invasão da Live do pré candidato Chico Cancela.

“Esta rede é descentralizada e muito provavelmente existe um núcleo local do bolsonarismo disposto a atacar a única candidatura que tem um programa e identidade de esquerda na cidade.” afirma Chico Cancela.

Fonte: Redação Namidia News

Comente com Facebook