Hospital utiliza carro elétrico de brinquedo para transportar pacientes pediátricos ao centro cirúrgico

Um projeto pioneiro no Hospital Manoel Novaes (HMN), em Itabuna, no sul da Bahia, busca aliviar a tensão dos pais e das crianças internadas na unidade. A partir de agora, os pacientes que quiserem, serão transportados dos leitos para o centro cirúrgico em um carrinho elétrico de brinquedo, numa ‘viagem’ divertida e descontraída. Filha de dona Josilane Gonçalves de Sousa, a pequena Laura Gonçalves dos Santos, paciente do Sistema Único de Saúde (SUS), foi a primeira paciente usar o veículo.

A diretora técnica do Hospital Manoel Novaes (HMN), a pediatra Fabiane Chávez, explica que o Projeto Condutores da Alegria integra o programa de humanização implantado na unidade, que oferece assistência por meio de ações que minimizem situações traumáticas e estressantes para as crianças, por ser um lugar fora da rotina delas. “Às vezes, o ambiente hospitalar é desconfortável. O passeio de carrinho pelos corredores faz com que as crianças sintam-se mais seguras”.

O provedor da Santa Casa de Misericórdia de Itabuna, Francisco Valdece, observa que o momento lúdico faz até a criança se esquecer que está indo para uma sala de procedimento cirúrgico. “Essa humanização nos procedimentos é uma das prioridades nos nossos hospitais, principalmente no Manoel Novaes, que é uma unidade materno-infantil. Temos hoje uma brinquedoteca e uma sala de tomografia ambientada para o público infantil. Essas e outras iniciativas são para deixar o ambiente mais aconchegante e acolhedor”.

A viagem

Os carrinhos são usados para transportar pequenos pacientes das enfermarias para o centro cirúrgico e leitos da UTI. “O projeto foi idealizado pela Gerência de Enfermagem em parceria com o Núcleo de Segurança do Paciente e Comunicação Institucional, seguindo exemplo de outros hospitais referência, que já usam os carrinhos para  transporte de pacientes dos leitos para procedimentos cirúrgicos e exames”, explica a gerente de enfermagem de HMN, Luciana Nobre. A gerente disse ainda que o objetivo é montar uma pequena frota de carrinhos elétrico para atender um maior número possível de pacientes. “Estamos promovendo o primeiro passeio no carrinho hoje, mas estamos trabalhando conseguir a doação de outros para aumentar essa opção para os nossos pacientes. É maravilhoso perceber a felicidade da criança ao entrar no veículo”.

Doado pelo Plansul, o carrinho elétrico será usado pelos pacientes do Sistema Único de Saúde (SUS) e pelos particulares. “A gente está trazendo uma humanização para um momento que, muitas vezes para a criança, é de apreensão e medo. Por isso, buscamos uma maneira de deixar a criança descontraída e transformar o pré-operatório em momento mais alegre dentro do possível”, relata o vice-provedor da SCMI, Antônio Augusto Monteiro, que também é médico auditor do Plansul. O projeto Condutores da Alegria, foi lançado junto ao protocolo de transporte seguro de pacientes do Manoel Novaes.

Fonte: Ascom/ Sesab

Comente com Facebook