Em apenas 21 dias, Hospital Municipal de Itamaraju registra 33 óbitos

Desde o dia 1º de janeiro de 2022 até o dia 21 do mesmo mês, o Hospital Municipal de Itamaraju registrou 33 óbitos. Os dados são do Portal da Transparência do Registro Civil, site que reúne todas as informações de nascimentos, casamentos e óbitos, entre outros conteúdos relacionados no Brasil.

Conforme o levantamento, durante o período, a cidade no sul da Bahia teve 49 mortes no total. Destas, 33 ocorreram no hospital.

Segundo o portal, das mortes totais, 1 ocorreu por insuficiência respiratória; 17 por pneumonia; 7 por septicemia; 2 por Covid-19; e 22 por outras causas.

Além disso, de acordo com o Portal da Transparência, ocorreu um aumento de 40% no número de óbitos de 2019 a 2021. Em 2019, houve o registro de 421 mortes, enquanto em 2021 o número passou para 587.

Ademais, o levantamento aponta que cerca de duas mil pessoas faleceram em Itamaraju nos últimos quatro anos. Assim, este é o período com o maior número de mortes da história da cidade.

Segundo moradores, o número alto de mortes no Hospital Municipal de Itamaraju se deve a uma estrutura precária, falta de profissionais e até de soro na unidade.

O recolhimento dos dados ocorreu até o momento da publicação desta matéria, às 9 da manhã do dia 21 de janeiro de 2022.

Confira os dados das mortes totais no gráfico abaixo:

Gráfico das mortes no hospital:

Da Redação Namidia News