Coronavírus: Cabrália tem primeiro caso confirmado

Um caso de coronavírus foi confirmado, na noite desta quarta-feira (1), no município de Santa Cruz Cabrália, com isso sobe para 31 os municípios com coronavírus. A informação foi confirmada em boletim da prefeitura.

O primeiro caso confirmado trata-se de um adolescente de 15 anos que veio do Rio de Janeiro e teve contato direto com um paciente positivo para o COVID – 19. A família foi colocada em isolamento domiciliar e a Vigilância Epidemiológica está monitorando.

O município até o presente momento, possui 01 diagnóstico positivo, 10 casos suspeitos coletados e que aguardam resultados e 03 casos aguardando coleta. E sem vítima fatal em decorrência do vírus.

É importante ressaltar que o diagnóstico positivo de Santa Cruz Cabrália só entrará na conta da Secretaria Estadual de Saúde na tarde desta quarta-feira (1), quando será divulgado o novo boletim.

Em boletim emitido pela SESAB as 17 horas desta terça-feira (31), a Secretaria registra 217 casos confirmados do novo coronavírus na Bahia, o que representa 3,7% do total de casos notificados. Com 1393 casos foram descartados e havendo dois óbitos, ambos de pessoas residentes em Salvador que apresentavam comorbidades associadas. Este número contabiliza todos os registros de janeiro até. Ao todo, 17 pessoas estão curadas e 42 encontram-se internadas.

NOTA OFICIAL

A Prefeitura Municipal de Santa Cruz Cabrália, por meio da Divisão de Vigilância Epidemiológica da Secretaria Municipal de Saúde, confirma o primeiro caso de coronavírus (COVID 19) nesta quarta-feira (01). Trata-se de um adolescente de 15 anos que veio do Rio de Janeiro e teve contato direto com um paciente positivo para o COVID – 19. A família foi colocada em isolamento domiciliar e a Vigilância Epidemiológica está monitorando.

Até o presente momento, portanto, o município possui  01 diagnóstico positivo, 10 casos suspeitos coletados  e 03 casos aguardando coleta. Não há vítima fatal em decorrência do vírus. Pedimos à população calma e que evite sair de casa, caso seja possível.

Também recomendamos não se envolver em aglomerações de pessoas.

Lembrando que os sintomas mais comuns do coronavírus são febre, tosse seca, dores no corpo, mal-estar, cansaço, dores de garganta, dor de cabeça e falta de ar. Como prevenção, recomenda-se lavar as mãos até a metade do pulso, esfregando também as partes internas das unhas, usar álcool gel 70%, tossir ou espirrar levando ao rosto à parte interna do cotovelo, evitar tocar nariz, olhos e boca antes de limpar as mãos, entre outras medidas.

Comente com Facebook