ACM Neto na mira da PF: Policia cumpre mandatos na secretaria de saúde de Salvador

Nessa manhã de quinta-feira(9) a Receita Federal cumpre 14 mandados de busca e apreensão.

A operação batizada de Strike, que conta com apoio da Polícia Federal e da Controladoria-Geral da União, pretende combater à sonegação, lavagem e desvio de dinheiro público da área de saúde.

A 2ª Vara Especializada Criminal da Seção Judiciária da Bahia foi quem expediu os mandados, estes que já estão em execução nas cidades de Salvador, Camaçari e Lauro de Freitas. Busca e apreensão estão sendo feitas em residências e empresas ligadas ao esquema.

Investigações da Receita Federal identificaram indícios da prática de crimes contra a ordem tributária, falsidade ideológica, lavagem de dinheiro e fraude à licitação. Estima-se que apenas entre os anos de 2017 e 2018, meio bilhão de reais no esquema deixou de ser declarado para tributação.

Auditores-Fiscais identificaram que um instituto estava utilizando “laranjas” para disfarçar o repasse de dinheiro em benefício de seus dirigentes, o que acabou resultando na representação pela suspensão de sua imunidade tributária no período fiscalizado.

A maneira que empresas usaram para “mascarar” os valores foram com financiamentos de imóveis e veículos, mensalidades de faculdade e escolas, salários de empregados e outras contas vinculadas aos dirigentes.

Fonte: Da Redação Namidia News com informações de bnews

Comente com Facebook